Notas Técnicas​

 
Nota Técnica Expansão do Programa Ensino Integral (PEI) em 2022

Em maio de 2021 foi divulgada uma lista com 1.224 escolas candidatas a se tornarem PEI em 2022. Nesta Nota a REPU manifesta sua preocupação com a magnitude desta operação de política educacional durante uma pandemia que tem dificultado o funcionamento das instâncias de deliberação democrática internas às escolas, e com o caráter antidemocrático que essa medida pode adquirir nesse contexto.

     
Nota Técnica Monitoramento de casos de Covid-19 na rede estadual de São Paulo

Documento elaborado pela REPU com base em monitoramento realizado junto a escolas da rede estadual entre os meses de fevereiro e março de 2021 com o objetivo de registrar e acompanhar os casos de Covid-19 após a retomada das atividades presenciais. A coleta de dados foi realizada em parceria com subsedes da Apeoesp.

          

 
Simulador de dispersão do coronavírus em ambientes escolares na hipótese de reabertura das escolas no Estado de São Paulo
Documento idealizado pela Ação Covid-19 e pela Rede Escola Pública e Universidade (Repu), que visa contribuir para o debate público sobre os planos de reabertura das escolas no estado de São Paulo, bem como apoiar as comunidades escolares na compreensão dos fatores que afetam esta eventual medida e qualificar processos de tomada de decisão e de planejamento.

          

Nota Técnica sobre atividades educacionais durante a pandemia da Covid-19
O documento, idealizado pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação, CEDECA-CE, DiEPEE-UFABC e REPU, apresenta recomendações para a disponibilização e a coleta de dados sobre as ações das redes de ensino relacionadas às atividades educacionais durante a pandemia do coronavírus. Esta norma tem como objetivo fortalecer a transparência e a gestão democrática das políticas públicas de educação ora implementadas e, com base nessa premissa, o necessário diálogo social e institucional sobre os seus efeitos nas redes de ensino.

       

Nota Técnica sobre o Programa Ensino Integral-PEI
 
O documento apresenta dados de pesquisa que apontam que o PEI tem contribuído para a reprodução das desigualdades educacionais e socioespaciais da rede estadual paulista. Isso se sustenta, de um lado, na localização e na distribuição das escolas PEI em áreas de baixa vulnerabilidade social; de outro, na indução de mudanças no perfil socioeconômico dos estudantes dessas escolas, com a presença de um fenômeno que poderíamos denominar de “expulsão velada”, uma forma de exclusão escolar.
 

        

Nota Técnica sobre Estudo do IPEA que relaciona o Ensino de Sociologia e as notas em Matemática

Em reportagem publicada em 16 de abril de 2018 intitulada “Filosofia e Sociologia obrigatórias derrubam notas de matemática”, a Folha de SP apoiou-se em estudo do IPEA para afirmar que a filosofia e a sociologia são obstáculos ao ensino de matemática. Pesquisadores da REPU elaboraram uma nota técnica analisando o estudo e apontando os limites metodológicos e teóricos que impossibilitam chegar às conclusões divulgadas.

        

Nota Técnica sobre resposta da SEE-SP ao Ministério Público (junho/2016)

Trata-se de um documento elaborado pela REPU analisando a resposta da SEE-SP à Ação Civil Pública movida pelo Ministério Público e pela Defensoria Pública do Estado de São Paulo, processo n. 1049683-05.2015.8.26.0053. Os pesquisadores mostram inconsistências nos dados de matrícula apresentados pela Secretaria da Educação, que não conseguem comprovar a inexistência de uma reorganização “velada” da rede escolar, baseada no fechamento de turmas e superlotação de salas de aula.

        

Informativo Colóquio Reorganização

O documento foi subsídio ao debate realizado no 1º Seminário promovido pela REPU em 16 de abril de 2016, e analisa os dados demográficos e de matrícula apontando inconsistências nas justificativas da SEE-SP para promover a Reorganização Escolar no estado de São Paulo.